Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Elemento das Pussy Riot volta à greve de fome contra regresso a prisão "desumana"

Mundo

  • 333

Reuters

Nadezhda Tolokonnikova, uma das duas jovens detidas do grupo de punk russo Pussy Riot, retomou esta sexta-feira a sua greve de fome depois de ter saído do hospital e reenviada para uma prisão onde afirma ter sido ameaçada de morte

"Hoje, Nádia (diminutivo de Nadajda) retomou a greve de fome depois de ter sido transferida para a prisão IK-14", anunciou o seu marido, Piotr Verzilov, citado por agências russas.

A administração da penitenciária confirmou essa informação.