Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Egito: Militares depõem presidente Morsi

Mundo

  • 333

O exército egícpio depôs esta quarta-feira o presidente egípcio depois de Mohamed Morsi ter deixado acabar o prazo do ultimato para chegar a um acordo de coligação com a oposição

Segundo o principal responsável militar do país, o presidente deposto vai ser substituído interinamente pelo presidente do Tribunal Constitucional. A Constituição egípcia fica também, desde já, suspensa, anunciou também o general Abdul Fattah Al-Sisi, adiantando que o exército, ao depôr Mohamed Morsi, o primeiro presidente eleito democratimente no Egito, cumpriu a sua "responsabilidade histórica" de proteger o país.

O presidente deposto deixou passar o prazo de 48 horas que tinha sido imposto pelo exército, na última segunda-feira, apesar de, decorridas algumas horas desse limite, ter anunciado desejar chegar a um consenso.

A notícia da deposição de Morsi foi recebida efusivamente nas ruas, onde centenas de milhares de opositores continuavam a manifestar-se.

Antes do comunicado do general Abdul Fattah Al-Sisi, as tropas ocuparam pontos estratégicos da cidade do Cairo e rodearam os grupos de apoiantes do presidente.