Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Conheça a primeira mulher na lista dos terroristas mais procurados do FBI

Mundo

  • 333

Joanne Chesimard está escondida em Cuba, onde prega a "revolução e o terrorismo", segundo o FBI. VEJA AS FOTOS da primeira mulher na lista dos terroristas mais procurados do mundo

Chegue atrasado Por duas razões: Em primeiro lugar para evitar ter de fazer sala com aquela colega aborrecida com quem nunca trocou uma palavra e que é sempre a primeira a chegar; E em segundo, porque, assim, quando chegar, todos terão uma desculpa para interromper as conversas de circunstância: "Olha quem chegou!"
1 / 4

Chegue atrasado Por duas razões: Em primeiro lugar para evitar ter de fazer sala com aquela colega aborrecida com quem nunca trocou uma palavra e que é sempre a primeira a chegar; E em segundo, porque, assim, quando chegar, todos terão uma desculpa para interromper as conversas de circunstância: "Olha quem chegou!"

Nunca se ofereça para planear... e muito menos para limpar Os "homens a sério", garante a GQ, deixam os detalhes sujos para os outros, porque estão ocupados a ter ideias fantásticas
2 / 4

Nunca se ofereça para planear... e muito menos para limpar Os "homens a sério", garante a GQ, deixam os detalhes sujos para os outros, porque estão ocupados a ter ideias fantásticas

Leve sempre um acompanhante É a melhor desculpa para ser anti-social
3 / 4

Leve sempre um acompanhante É a melhor desculpa para ser anti-social

Guarde as substâncias ilícitas para quando o patrão estiver a falar Pode querer sair dalí quando estiver a ouvir falar do ótimo desempenho da empresa que em nada reverte para si
4 / 4

Guarde as substâncias ilícitas para quando o patrão estiver a falar Pode querer sair dalí quando estiver a ouvir falar do ótimo desempenho da empresa que em nada reverte para si

A fugitiva, membro do Exército Negro de Libertação (Black Liberation Army, BLA) , é acusada de matar um polícia do estado de Nova Jérsia, há 40 anos. Fugiu da prisão em 1979, com ajuda de cúmplices. 

Ao juntar o seu nome à lista dos terroristas mais procurados, o FBI anunciou também que a recompensa pela sua captura é agora de 2 milhões de dólares (mais de 1,5 milhões de euros).

Segundo o FBI, Joanne Chesimard está a viver em Cuba com o nome de Assata Shakur.