Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Brasil começou a julgar médicos acusados de retirar órgãos a criança viva

Mundo

  • 333

Acusados de retirar os órgãos de Paulo Pavesi, de 10 anos, quando este ainda estava vivo, os médicos começaram quarta-feira a ser ouvidos em tribunal

Esta é a primeira vez que os médicos Celso Scafi, Cláudio Fernandes e Sérgio Gaspar vão responder publicamente em audiência por este crime.

O - que ganhou repercussão internacional - ocorreu em 2000 no Brasil, quando Paulo Pavesi, de 10 anos, deu entrada num hospital depois de ter caído de uma altura de 10 metros.

De acordo com o Ministério Público do Brasil, a criança foi vítima de um erro médico durante a cirurgia a que foi submetido e acabou por ser transferido para outro hospital, onde Scafi, Fernandes e Gaspar lhe removeram os órgãos, depois de um diagnóstico alegadamente forjado de morte cerebral.

Os médicos são acusados de pertencerem a uma rede de tráfico de órgãos.