Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ataque de narcotraficantes faz subir número de mortos para 15

Mundo

Ataques da organização criminosa no México já provocaram 15 mortos. Além do estado de Guerrera, os incidentes chegam agora a Michoacán e a Durango

Depois do alegado ataque do cartel de "Los Caballeros Templarios" - realizado ontem no estado de Guerrera - ter provocado a morte de três membros da Polícia Federal mexicana, os incidentes violentos já se estenderam aos estados de Michoacán e Durango e o número de mortes sobe para 15.

Em Guerrero já havia registo de terem morrido três polícias e de dois estarem gravemente feridos, depois de terem sido alvo de uma cilada por parte da organização criminosa mencionada - numa estrada que faz a ligação de Guerrero a Michoacán. No entanto, mais dois trabalhadores de minas foram assassinados nesta região.

Segundo a imprensa internacional, no estado de Michoacán foram encontrados cinco cadáveres numa comunidade do município de Buenavista Tomatlán, em Tierra Caliente. Dois dos corpos pertencem a polícias mexicanos.

No estado de Durango foi encontrado um veículo incendiado com cinco corpos carbonizados, dos quais dois estavam algemados e três atados.

Os incidentes violentos além de já terem provocado a morte de 15 pessoas, incluindo polícias federais, deram início à fuga da população - cerca de 1000 pessoas fugiram das próprias casas devido a tiroteios.