Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

As primeiras fotos das prisões cubanas em nove anos

Mundo

  • 333

Pela primeira vez em nove anos, Havana concedeu a jornalistas cubanos e estrangeiros permissão para visitar várias prisões, incluindo as de segurança máxima, nos arredores da capital. VEJA AS FOTOS

Benfica 0 - 2 Barcelona
1 / 14

Benfica 0 - 2 Barcelona

Benfica 0 - 2 Barcelona
2 / 14

Benfica 0 - 2 Barcelona

Benfica 0 - 2 Barcelona
3 / 14

Benfica 0 - 2 Barcelona

Benfica 0 - 2 Barcelona
4 / 14

Benfica 0 - 2 Barcelona

Benfica 0 - 2 Barcelona
5 / 14

Benfica 0 - 2 Barcelona

Benfica 0 - 2 Barcelona
6 / 14

Benfica 0 - 2 Barcelona

Galatasaray 0 - 2 Braga
7 / 14

Galatasaray 0 - 2 Braga

Galatasaray 0 - 2 Braga
8 / 14

Galatasaray 0 - 2 Braga

Galatasaray 0 - 2 Braga
9 / 14

Galatasaray 0 - 2 Braga

Galatasaray 0 - 2 Braga
10 / 14

Galatasaray 0 - 2 Braga

Galatasaray 0 - 2 Braga
11 / 14

Galatasaray 0 - 2 Braga

Galatasaray 0 - 2 Braga
12 / 14

Galatasaray 0 - 2 Braga

Juventus 1 - 1 Shakhtar Donetsk
13 / 14

Juventus 1 - 1 Shakhtar Donetsk

Juventus 1 - 1 Shakhtar Donetsk
14 / 14

Juventus 1 - 1 Shakhtar Donetsk

Um grupo de jornalistas cubanos e estrangeiros visitaram na terça-feira várias prisões nos arredores de Havana, numa visita organizada pelo governo da ilha para explicar o seu sistema penitenciário, o que acontece pela primeira vez em nove anos.

A visita, integrada por jornalistas da Efe, inclui a prisão do Combinado do Este, um dos cinco estabelecimentos de segurança máxima da ilha e a maior cadeia do país, com uma população prisional de cerca de 3 mil pessoas.

Acompanhados de funcionários do Ministério do Interior, os jornalistas visitaram diversas dependências das cadeias como o hospital de reclusos, pavilhões de encontros conjugais e zonas de encontros entre detidos e familiares.