Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Anders Breivik foi "o que a Noruega merecia", diz autor francês

Mundo

  • 333

As declarações de Richard Millet, um respeitado escritor francês, estão a provocar uma acesa polémica

Depois de ler as 1.500 páginas do manifesto online de Anders Breivik, Richard Millet garante não aprovar os crimes, que provocaram a morte a 77 pessoas, mas descreve o autor confesso dos ataques como "sem dúvida o que a Noruega merece".

O autor elogia ainda a escrita de Breivik, condenado na semana passada a 21 anos de prisão e salienta que o homicida confesso "é filho de uma família fraturada".

Vencedor de vários prémios literários em França, Millet vê-se assim no meio de polémica, que já levou outros autores a considerar que "ele perdeu a cabeça".