Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Álcool: o novo truque para matar ratos em Nova Iorque

Mundo

Gary Hershorn/Getty

Uma máquina com uma armadilha à base de álcool é a nova solução para as pragas de ratos na cidade de Nova Iorque. Estão essencialmente nas estações de metro e nos contentores de lixo

Há vários anos que os dirigentes da cidade de Nova Iorque têm procurado a solução para as pragas de ratos numa das maiores e mais importantes cidades dos Estados Unidos. Desde caixotes do lixo produzidos à prova de insetos e roedores, até mecanismos de controlo de natalidade de ratos, nada se revelou tão eficaz como a nova máquina: a Ekomille.

Importada de Itália, a Ekomille é uma espécie de caixa com pouco mais de meio metro de altura. Contém um isco que atrai os ratos e os leva a subir uma escada para comer. De seguida, um sensor aciona uma alavanca de disparo que os mergulha num líquido feito à base de álcool. O depósito tem capacidade para 80 animais.

A armadilha foi testada durante um mês nas ruas de Brooklyn e eliminou 107 ratos, um número que impressionou as autoridades.

Apesar de há vários anos se investir financeiramente em vários meios para acabar com a praga, a linha de ajuda do departamento de saúde continua a receber anualmente milhares de chamadas com queixas de ratos. Eric Adams, presidente do bairro de Brooklyn, disse que Nova Iorque foi atingida por uma crise de ratos, acrescentando que as famílias estavam ficar "traumatizadas" com os animais.

ASSINE POR UM ANO A VISÃO, VISÃO JÚNIOR, JL, EXAME OU EXAME INFORMÁTICA E OFERECEMOS-LHE 6 MESES GRÁTIS, NA VERSÃO IMPRESSA E/OU DIGITAL. Saiba mais aqui.