Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Princesa do Dubai que estava desaparecida está a viver em mansão de 85 milhões

Mundo

A princesa Haya Bint al-Hussein, que fugiu no início deste ano do Dubai, está agora a viver em Londres numa mansão de 85 milhões de euros

Haya Bint al-Hussein é uma das seis mulheres de Sheikh Mohammed, príncipe do Dubai e primeiro-ministro dos Emirados Árabes Unidos. Está agora em Londres para fugir do marido e, segundo a BBC, diz “temer pela vida”.

Os motivos que a levaram a abandonar o país estarão relacionados com o recente caso de Sheikha Latifa, uma das filhas de Sheikh Mohammed que tentou fugir dos Emirados Árabes Unidos, mas foi apanhada quando passava na costa da Índia e levada de regresso ao Dubai.

Os contornos de toda esta operação de resgaste provocaram alguma controvérsia e fontes próximas da princesa Haya adiantam que a mesma terá descoberto alguns dados perturbadores sobre este caso. A hostilidade com que foi tratada pelos membros da família do marido quando quis saber mais sobre o sucedido terá conduzido à sua saída do país. Neste momento, teme pela forma como o marido poderá obrigá-la regressar e pelas consequências que sofrerá se voltar ao Dubai.

O caso pode também ganhar uma dimensão diplomática. Por um lado, se a estada em Londres se prolongar poderá gerar litígios entre os Emirados e Inglaterra, que mantêm uma relação política próxima. Por outro, o facto de a princesa Haya ser meia-irmã do rei da Jordânia também não será positivo para a relação entre os dois países, tendo em conta que atualmente milhares de jordanos vivem nos Emirados.