Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Medalhas dos Jogos Olímpicos de Tóquio vão ser feitas a partir de lixo eletrónico

Mundo

Já foram recolhidas 50 mil toneladas de aparelhos eletónicos que vão servir para confecionar as futuras Medalhas olímpicas

Em abril de 2017, o comité de organização dos Jogos Paralímpicos de Tóquio 2010 lançou a campanha para recuperar as matérias primeiras dos aparelhos eletrónicos fora de uso para, a partir daí, fabricar, pela primeira vez, as medalhas que vão ser entregues aos vencedores.

Para isso, foram colocados pontos de recolha nas lojas da NTT DOCOMO, a maior operadora móvel do Japão, em 1500 municípios e 2500 postos de correio.

Agora, os responsáveis anunciam que já foram recolhidas cerca de 50 mil toneladas de aparelhos eletrónicos, incluindo 5 milhões de smartphones, uma quantidade suficiente para fabricar as mais de 5 mil medalhas que serão necessárias.

Os modelos das medalhas serão tornados públicos já no próximo verão, a um ano do arranque das olimpíadas na capital japonesa.