Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Porque é que há pouca esperança de encontrar jogador do Cardiff com vida?

Mundo

LOIC VENANCE/ Getty Images

O avião privado que transportava o jogador argentino Emiliano Sala de França para o País de Gales desapareceu na segunda-feira. A polícia está a investigar várias hipóteses mas diz que, caso o avião tenha caído na água, as possibilidades de haver sobreviventes são reduzidas

Este sábado, foi anunciada a contratação de Emiliano Sala, o avançado argentino que jogava pelo FC Nantes, em França, para integrar a equipa do Cardiff, no País de Gales. Segunda-feira, o jogador de 28 anos deslocava-se num avião privado de Nantes para Cardiff, para iniciar os treinos com a nova equipa, mas o avião desapareceu dos radares 45 minutos depois de levantar voo, quando passava no Canal da Mancha. O último contacto do piloto foi às 20 horas de segunda-feira e, desde aí, não houve mais ligação.

Esta terça-feira, foram reveladas as últimas mensagens de Emiliano Sala antes de o avião cair. “Estou no avião, que parece que está a cair aos pedaços", contou o jogador, através de uma mensagem de voz pelo WhatsApp, aos amigos. "Vou para Cardiff, amanhã à tarde começo a treinar com a nova equipa, vamos ver o que se vai passar". E continuou: "Se numa hora e meia não tiverem novidades minhas, não sei se vão enviar alguém para me procurar porque não me encontram, mas já sabem…".

A polícia de Guernsey está, agora, a investigar várias possibilidades, sendo que uma delas é que o avião tenha aterrado, mas não tenha conseguido comunicar. Também está a ser investigada a hipótese de o avião se ter fragmentado quando caiu e ter deixado os ocupantes no mar. A polícia considera, também, que o avião possa ter caído na água e os ocupantes tenham sido resgatados por um navio que não estabeleceu contacto.

A polícia afirmou, no Twitter, que encontrou um conjunto de objetos flutuantes na água, apesar de não conseguir perceber se pertence ou não à areonave perdida. Além disso, referiu que as possibilidades de haver sobreviventes, caso o avião tenha mesmo caído na água, "são, infelizmente, reduzidas".

Dois aviões estão, agora, à procura de vestígios numa área específica onde, segundo as autoridades, há uma maior probabilidade de se encontrar alguma coisa, devido a uma análise realizada sobre as marés e a meteorologia a partir do momento do desaparecimento.

Emiliano Sala afirmou-se no FC Nantes e foi treinado, nesse clube, por Sérgio Conceição, que referiu, depois do jogo Benfica-FC Porto de ontem à noite, ter o coração e o pensamento com a família do jogador. "Sofremos muito hoje com a notícia deste desaparecimento. Não sabemos, neste momento, como estão as coisas, mas o meu pensamento mais forte agora é esse", disse. O argentino chegou a jogar, também, no Crato, clube de futebol de Portalegre.

O presidente do Cardiff também já se pronunciou sobre o acidente, referindo estar muito preocupado com a segurança do jogador, e o Nantes já adiou o jogo frente ao Entente SSG, para a Taça de França, desta quarta-feira.