Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Três jovens evitaram o suicídio de um homem e agora são heróis

Mundo

Reprodução Hertfordshire Mercury

De Inglaterra chega a história de três estudantes que, com apenas 12, 13 e 14 anos, conseguiram evitar uma morte enquanto regressavam a casa depois de um dia de escola

O regresso a casa no dia 21 de setembro do ano passado foi diferente de todos os outros para três rapazes britânicos, que vão agora ser distinguidos por terem salvo uma vida.

Shawn Young, de 12 anos, Devonte Cafferkey, de 13, e Sammy Farah, de 14, viram que um homem se preparava para saltar de um viaduto na cidade de Waltham Cross, no condado de Hertfordshire, e não hesitaram: enquanto o mais novo procurava ajuda, os outros dois jovens apressaram-se a agarrar o homem enquanto o tentavam convencer a não saltar.

Segundo o jornal local Hertfordshire Mercury, os três rapazes foram auxiliados por outra transeunte, Joanne Stammers, de 47 anos, que substituiu Devonte e Sammy na tarefa de agarrar o homem (apesar de ser portadora de uma doença rara que a impede de trabalhar), durante o que lhe "pareceu uma eternidade".

Uma quinta pessoa, James Higlett, que também colaborou nesta missão improvisada, vai, à semelhança dos três estudantes e de Joanne Stammers, receber uma distinção da Royal Humane Society.

No caso dos jovens, o reconhecimento junta-se a outro prémio por "bravura" que já receberam.