Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

5 coisas bem menos perigosas mas que, ao contrário das armas, são proibidas na América

Mundo

Win McNamee/ Getty Images

O massacre de domingo em Las Vegas, que deixou um total de 59 mortos, atiçou o debate sobre o acesso às armas nos Estados Unidos, com as inevitáveis comparações entre a facilidade de comprar legalmente uma arma no país e algumas proibições surpreendentes

Ovos Kinder Supresa

Se por cá estão em qualquer super ou até mini-mercado, nos EUA são proibidos. Os ovos Kinder Supresa, um ovo de chocolate com brinde no interior, foram interditos pela Food and Drug Administration (FDA), o organismo responsável pela segurança alimentar e dos medicamentos nos Estados Unidos, com o argumento de que a surpresa no interior representa perigo de sufocação.

Haggis

Russell Cheyne/ Reuters

A iguaria tradicional escocesa (vísceras de carneiro picadas e ligadas com aveia e vários temperos, cozinhadas no bucho do animal) é proibida nos EUA desde 1971. E de nada valeram, até agora, os apelos dos cidadãos de origem escocesa, dizendo que não ter haggis nas suas festas tradicionais é o equivalente a não ter peru no Dia de Ação de Graças.

Livros publicados antes de 1985

Na origem da proibição da venda de livros impressos antes de 1985 está o receio de que a tinta usada contenha chumbo, um metal que tinha então as mais variadas aplicações mas que agora se sabe poder ter sérias consequências na saúde, incluindo danos cerebrais. Em casos mais graves, pode mesmo conduzir à morte.

Apanhar água da chuva

No estado norte-americano do Colorado, é ilegal recolher água da chuva, ao abrigo de uma lei com mais de um século sobre a "colheita" de água. As autoridades consideram que uma vez que a água da chuva se infiltra no solo e abastece reservatórios substerrâneos e rios (cujo uso é rigorosamente controlado) impedir esse percurso é roubo.

Absinto (verdadeiro)

É possível comprar absinto nos EUA, mas não o "verdadeiro", feito a partir da planta que lhe dá o nome e que tem na sua composição pequenas quantidades de um composto químico, potencial causador de espasmos musculares e convulsões. Assim, a bebida à venda nos Estados Unidos com a designação "absinto" também é verde mas... não é absinto, na verdade.