Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ébola: OMS lança novo alerta

Mundo

Reuters

A Organização Mundial de Saúde (OMS) confirmou um caso de ébola no Congo. Pelo menos uma pessoa morreu no que pode ser um novo surto do vírus em África

Dois anos depois da epidemia na África Ocidental, o ébola volta a dar sinais de vida no Congo. A 22 de abril nove pessoas foram diagnosticadas com febres hemorrágicas suspeitas e, após a realização de testes, a OMS confirmou esta sexta-feira pelo menos um caso de ébola na província de Bas-Uele, a norte do país – dos pacientes iniciais pelo menos um morreu entretanto.

“É numa zona remota, com floresta densa, por isso temos pouca sorte”, explicou Eric Kabambio, porta-voz da OMS no país africano. O ministro da Saúde do Congo alertou entretanto que o país deve “preparar-se para enfrentar uma epidemia do vírus ébola como uma crise de saúde pública”.

O último surto de ébola no Congo ocorreu em 2014, com 42 mortes registadas. Nesse mesmo ano começava uma das epidemias mais graves da doença na Libéria, Guiné e Serra Leoa, desde que o ébola foi identificado em Yambuku (1976), onde é hoje a República Democrática do Congo. O vírus foi então declarado uma emergência internacional e descrito como uma “ameaça séria” para outros países. Entre 2014 e 2015 mais de 28 500 pessoas foram infectadas com o vírus e 11300 morreram. Só em junho do ano passado, a OMS declarou a Libéria livre da doença.