Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Daesh reivindicou a autoria dos dois atentados contra igrejas cristãs no Egito

Mundo

  • 333

© Stringer . / Reuters

O autodenominado Estado Islâmico reivindicou este domingo os dois atentados no Egito em igrejas coptas, uma minoria cristã no país, e que fizeram pelo menos 33 mortos

"As equipas do Estado Islâmico realizaram ataques contra duas igrejas em Tanta e em Alexandria", indicou a agência de propaganda do EI, numa comunicação divulgada em redes sociais e citada por agências internacionais de notícias.

Pelo menos 33 pessoas morreram este domingo e outras 77 ficaram feridas em dois atentados contra igrejas cristãs em Tanta e Alexandria, no norte do Egito, referem fontes ligadas à segurança e ao Ministério da Saúde.

Relativamente ao ataque na igreja de Alexandria, o ministério egípcio do Interior precisou que foi perpetrado por um suicida munido de um cinto de explosivos, provocando 11 mortos.

Os cristãos coptas são cerca de 10% da população do Egito e são frequentemente alvo de ataques por parte dos extremistas islâmicos.