Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

"Portugal não é 'Cristianodependente'"

Futebol

  • 333

O defesa Ricardo Costa garantiu hoje que Portugal não é "Cristianodependente", mas apontou o jogador do Real Madrid como a "bandeira" dos internacionais portugueses que estão no Campeonato da Europa de futebol

Veja também:

"Não somos dependentes. Esta equipa vale pelo coletivo. O Cristiano é a nossa bandeira, não há dúvidas quanto a ele. É mais um, ajuda-nos imenso, mas não somos Cristianodependentes. Dependemos dos 23, do mister, de toda a gente", defendeu.

O capitão do Valência afirmou que o capitão luso está "no auge da sua carreira", é um jogador "completo" e que trabalha diariamente para melhorar.

"Não adianta estar aqui a arranjar adjetivos para classificar o homem. É um excelente jogador, excelente amigo. O normal do Cristiano é fazer golos. Está no auge e espero que continue sempre", resumiu.

Ricardo Costa teve palavras de elogio um pouco para toda a equipa portuguesa. Sobre Paulo Bento, disse ser "um excelente treinador", com capacidade de perceber e lidar com os internacionais, uma caraterística que herdou da experiência como futebolista.

Já a propósito do guarda-redes Beto, um dos mais animados entre ao internacionais lusos, apontou a sua importância no ambiente familiar que se vive dentro do balneário.

"O Beto consegue demonstrar que um jogador, não jogando, consegue estar com a equipa e para o espírito do grupo é muito importante", acrescentou.

Ricardo Costa elogiou ainda um dos seus concorrentes no centro da defesa portuguesa: "O Pepe fez uma excelente época e tem-nos ajudado imenso. Quando dizem que está a ser um dos melhores eu concordo, porque a qualidade de jogo tem sido muito evidenciada".

Suplente não utilizado neste Europeu, o defesa do Valência assumiu que, nem sempre, é fácil manter os níveis de motivação em alta.

"É lógico que, para quem não joga, não é fácil acordar e treinar com a mesma motivação de quem joga. Estou preparado para jogar, trabalho todos os dias para transmitir confiança ao mister. Se acontecer algum problema a algum colega e o mister Paulo Bento optar por mim, estou preparado", garantiu.