Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

FOTOS: Confrontos entre adeptos deixam Rússia em maus lençóis

Futebol

  • 333

Os graves incidentes verificados, terça-feira, em Varsóvia, entre adeptos polacos e russos podem penalizar a equipa russa já na qualificação para o Euro 2016. VEJA AS FOTOS

Parque da Cidade
1 / 23

Parque da Cidade

Parque da Cidade
2 / 23

Parque da Cidade

Parque da Cidade
3 / 23

Parque da Cidade

Parque da Cidade
4 / 23

Parque da Cidade

Parque da Cidade
5 / 23

Parque da Cidade

Beach House
6 / 23

Beach House

Black Lips
7 / 23

Black Lips

Death Cub For Cutie
8 / 23

Death Cub For Cutie

Flaming Lips
9 / 23

Flaming Lips

Kings Of Convenience
10 / 23

Kings Of Convenience

Linda Martini
11 / 23

Linda Martini

Neon Indian
12 / 23

Neon Indian

Rufus Wainwright
13 / 23

Rufus Wainwright

Saint Etienne
14 / 23

Saint Etienne

Siskiyou
15 / 23

Siskiyou

Spiritualized
16 / 23

Spiritualized

The Drums
17 / 23

The Drums

The Walkmen
18 / 23

The Walkmen

Veronica Falls
19 / 23

Veronica Falls

Yann Tiersen
20 / 23

Yann Tiersen

Yo La Tengo
21 / 23

Yo La Tengo

Yo La Tengo
22 / 23

Yo La Tengo

Yo La Tengo
23 / 23

Yo La Tengo

A UEFA condenou "os incidentes isolados que ocorreram terça-feira em Varsóvia antes e depois do jogo Polónia-Rússia", referente à segunda jornada do Grupo A do Euro2012 de futebol.

Os incidentes, ainda de acordo com o comunicado emitido pela UEFA, "foram provocados por desordeiros que se envolveram em confrontos físicos com adeptos e arremessaram objetos aos agentes de autoridade".

"Os indivíduos detidos terão agora de ser acusados pelas autoridades competentes", refere o comunicado da UEFA, recordando o princípio básico de "criar um ambiente acolhedor" para a prova.

Os confrontos provocaram centenas de detenções. Entre os detidos estão 157 polacos e 24 russos, mas também um espanhol, um húngaro e um argelino.

Esta situação vem agravar o caso da seleção russa, que já antes vira os seus adeptos provocar distúrbios. A UEFA castigou esta quarta-feira a Federação Russa com uma dedução de seis pontos na fase de qualificação para o Euro 2016, sendo que esta dedução está suspensa até final do play-off da fase de apuramento: a partir de agora e até esse momento decorre o período de apresentação de provas. 

Na base deste castigo estão as acusações por conduta imprópria dos adeptos, o lançamento de artefactos pirotécnicos e a exibição de mensagens proibidas no jogo de sexta-feira com a República Checa, o primeiro que a Rússia fez no Euro 2012. Com a violência registada no jogo com a Polónia, as sansões à seleção russa podem vir a piorar.

Rússia culpa polacos

A Rússia espera que a parte polaca tome medidas para que não se repitam confrontos entre adeptos de futebol no Euro2012, declarou Maria Zakharova, porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros russo.

Na terça-feira, a polícia polaca deteve mais de 20 cidadãos russos que participaram em desordens antes e durante o jogo entre as seleções da Polónia e da Rússia, em Varsóvia, que terminou empatado 1-1.

Maria Zakharova atira as responsabilidades para cima dos adeptos polacos.

Adeptos da Polónia e da Rússia envolveram-se em confrontos à entrada para o Estádio Nacional de Varsóvia, onde aquelas seleções jogam para a segunda jornada da fase de grupos do Euro2012 em futebol.

Os incidentes provocaram cerca de 50 detidos e vários feridos, naquele que já era antecipado como o jogo mais problemático do Euro, atendendo à história entre os dois países.

Tudo começou quando a polícia não conseguiu evitar o contacto dos locais com a marcha lenta de milhares de russos, que atravessavam a ponte sobre o rio Vístula, comemorando também o aniversário do nascimento da Federação Russa e o fim da União Soviética.

No final da partida entre as duas seleções, que terminou empatada a um golo, voltaram a ocorrer graves confrontos.