Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Blatter pede desculpas a Cristiano Ronaldo

Futebol

  • 333

O presidente da FIFA, Joseph Blatter, pediu hoje desculpas a Cristiano Ronaldo e à comunidade do futebol português, numa carta enviada à Federação Portuguesa de Futebol (FPF)

REVEJA O VÍDEO DA POLÉMICA:

 

 

 

"Peço-lhe que transmita as minhas desculpas ao jogador e à comunidade do futebol português e que aceite, caro presidente, os meus mais cordiais cumprimentos", escreveu Blatter, numa carta enviada ao líder da FPF, Fernando Gomes.

Blatter escreveu a Fernando Gomes, depois de este ter enviado ao líder da FIFA uma carta a propósito das declarações do máximo responsável do organismo sobre o futebolista luso, numa conferência na Universidade de Oxford, na qual o tema não era a eleição de Melhor Jogador do Ano.

"No fim da minha intervenção, o moderador perguntou-me sobre os jogadores Cristiano Ronaldo e Lionel Messi. Respondi-lhe que estes dois jogadores são excecionais, as estrelas do nosso desporto, iguais, mas cada um com um estilo de jogo diferente. Lamento, sinceramente, que as minhas palavras, colocadas fora do contexto, tenham sido mal interpretadas", explicou Blatter.

As declarações do máximo responsável da FIFA surgiram num debate na sexta-feira, mas o vídeo do evento teve mais destaque na imprensa apenas esta terça-feira, dia em que se ficou a saber a lista de nomeados para a Bola de Ouro, que distingue anualmente o melhor jogador do mundo.

Um fonte oficial da FPF disse ainda à Lusa que já foi transmitido ao presidente do Real Madrid e ao jogador o teor da carta enviada por Joseph Blatter a Fernando Gomes.

Na conferência, Blatter disse que "Leo Messi é um bom rapaz" e "nada exuberante", mas joga muito bem e marca muitos golos. Já sobre Cristiano Ronaldo, Blatter levantou-se e tentou imitar a postura do jogador português.

"O outro (Cristiano Ronaldo) é como um comandante em campo", acrescentou o presidente de FIFA, enquanto simulava um soldado a marchar e perante os risos da plateia.