Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Até a imprensa checa se desfaz em elogios a Cristiano Ronaldo

Futebol

  • 333

"Diabólico", "carrasco" e "decisivo" são apenas alguns dos adjetivos com que a imprensa checa descreve esta sexta-feira Cristiano Ronaldo, a quem dedica vários elogios

VEJA TAMBÉM: 

 "Obrigado, rapazes!", pode ler-se no diário Dnes, um dos principais jornais do país, que ocupa várias páginas com os acontecimentos de quinta-feira à noite no Estádio Nacional de Varsóvia (triunfo de Portugal por 1-0). 

"A equipa não dececionou. Lutou, qualificou-se para os quartos. E não é uma tarefa fácil", resume o Dnes. O jornal diz ainda que se chegou ao fim e encontra um "culpado" para isso, o avançado português Cristiano Ronaldo.  "Ronaldo, 'o diabólico', decidiu a sorte do jogo", considerando que o jogador português, marcador do único golo da partida, foi "o carrasco do futebol checo". 

O jornal desportivo Sport refere que a equipa lutou bravamente, mas que foi incapaz frente ao "colosso português". "Heróis checos decapitados por Ronaldo", escreve o jornal. Nas colunas do mesmo jornal pode ainda ler-se que "os checos prepararam-se durante muito tempo para o defrontar [a Ronaldo] e até o pararam durante algum tempo. Depois, foram duas bolas nos postes e a dificuldade para evitar que Ronaldo se mostrasse". 

Também o Sport refere que a equipa não desiludiu, com o objectivo de qualificar-se para os quartos-de-final, embora o seleccionador Michal Bilek tenha saído "de mãos vazias". 



O jornal popular Blesk escreve: "Os checos resistiram durante 78 minutos, antes de serem abatidos por Ronaldo". "É o fim, mas obrigado pela vossa coragem!", assinala o Blesk, referindo que os jogadores comportaram-se "como leões".