Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Passos Coelho pede realismo

Economia

  • 333

O primeiro-ministro lembra que há várias matérias sobre as quais não há consenso na União Europeia

O primeiro-ministro considerou hoje que a reunião do Conselho Europeu de quinta e sexta-feira deve ser encarada com realismo, tendo em conta que há várias matérias sobre as quais não há consenso na União Europeia.

"Não havendo razões para criar expectativas demasiado elevadas relativamente aos resultados do Conselho Europeu, devemos encarar esta reunião com realismo, e esse realismo impõe-nos algumas limitações", afirmou o primeiro-ministro, durante o debate quinzenal, na Assembleia da República.

Em seguida, Pedro Passos Coelho assinalou que "há várias matérias que estão longe de ser consensuais dentro da União Europeia, apesar de estarem em discussão".