Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Estado vai reduzir mais pessoal e admite rescisões por mútuo acordo

Economia

  • 333

O principal alvo os trabalhadores com contratos a prazo que trabalhem para o Estado, mas podem registar-se rescisões por mútuo acordo.

O Governo avançou hoje que vai acelerar a redução de funcionários no próximo ano, sendo o principal alvo os trabalhadores com contratos a prazo que trabalhem para o Estado e admite rescisões por mútuo acordo com funcionários.

O ministro das Finanças indicou durante a sua exposição inicial que o Estado iria ver acelerado o esforço de redução do número de funcionários públicos, com Hélder Rosalino a completar, referindo que isso seria feito com recurso aos mecanismos já utilizados este ano - controlo de admissões e reformas de funcionários - mas também com uma atenção especial sobre os trabalhadores com contrato a termo certo e por rescisões de mutuo acordo.

"Em 2013 vamos dar especial atenção com um grupo de trabalhadores com contratos de trabalho a prazo, o esforço a fazer terá de ser feito nessa área", disse o governante.