Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Calçado português faz sucesso na China

Economia

  • 333

Reuters

As exportações de calçado português para a China triplicaram nos últimos quatro anos, devendo exceder os 30 mil milhões de dólares (mais de 22 milhões de euros) em 2013, pela primeira vez

"O sucesso do calçado é um bom exemplo e prova que não estamos a chegar tarde à China", disse o delegado do Agência para a Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP) em Xangai, Filipe Santos Costa.

"Com a ascensão de centenas de milhões de chineses à classe média há aqui um grande mercado para os produtos de consumo portugueses", acrescentou.

Filipe Santos Costa falava à agência Lusa a propósito da exposição internacional de calçado que começa esta sexta-feira e em Xangai, "Micam", com uma participação recorde de empresas portuguesas: 16, mais cinco do que na edição anterior do certame, em abril passado.

"Já exportamos para 132 países, mas, neste momento, a Europa está num período crítico e temos de conquistar novos mercados", realçou o porta-voz da Associação Portuguesa de Industriais de Calçado, Componentes, Artigos de Pele e Sucedâneos (APICCAPS), Paulo Gonçalves.

A "Micam Xangai", organizada pela Feira de Milão e a Associação Italiana de Fabricantes de Calçado, é uma das mais conhecidas feiras do setor.

A atual edição decorre até domingo no centro de Xangai, a maior e mais cosmopolita cidade chinesa, com cerca de 23 milhões de habitantes e considerada também a "capital económica da China".

António Almeida, Calçado Trópico, Cidicalfe, Ferreira Avelar & Irmão, Fly London, J Moreira, Mário Cunha & Filhos, Marisport, PTFTR, Qualishoe, Qu-On Around You, Rondoshoes, Ropar, Rumisi, Ten Toes Trading e TOEFL são as empresas portuguesas representadas na feira de Xangai.

Pelas contas das alfândegas chinesas, nos primeiros oito meses de 2013 as exportações portuguesas de calçado para a China somaram 20.036 milhões de dólares (14,8 milhões de euros), contra em 10.665 milhões de dólares (7.880 milhões de euros) em todo o ano de 2010.