Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Estas são as sucessoras de Américo Amorim

Economia

  • 333

DR

O homem mais rico de Portugal passou a pasta. Conheça quem vai ficar à frente dos negócios e, na VISÃO desta semana, não perca "As Histórias da Família Mais Rica de Portugal"

Américo Amorim, o homem mais rico de Portugal, dá sinais de querer sair do palco. Na VISÃO desta semana, quinta-feira nas bancas, contamos-lhe as histórias da família mais rica de Portugal. As memórias, os segredos, hábitos e regras de ouro de um clã discreto e multimilionário. Aqui,apresentamos-lhe as filhas e sucessoras.

DR

Paula Amorim, 45 anos

A filha mais velha do empresário chega ao comando da Galp, depois de quatro anos de treino na vice-presidência. Tem dois filhos, um rapaz e uma rapariga, do primeiro casamento com Rui Alegre. Começou a trabalhar ao lado do pai com 20 anos, passando pelas áreas imobiliárias, florestal e agrícola. Preside ao conselho de administração do Grupo Américo Amorim, a holding que concentra os negócios do pai. Mas a autonomia e independência conseguiu-a por conta própria, ao avançar, sem a família, no negócio de luxo, com as suas lojas Fashion Clinic e Gucci.

Marta Amorim, 44 anos

É a mais discreta das três irmãs e a mais vocacionada para a área financeira. Casada com Nuno Barroca, outro nome bem posicionado nas empresas do grupo, licenciou-se em gestão de empresas, estudou nos Estados Unidos e trabalhou no Santander em Nova Iorque. Passou também pela área comercial do BNC. Está na vice-presidência do grupo e tem assento na administração das holdings financeiras do pai. Entrou agora também, por cooptação, para a administração da Galp. Tem um filho.

DR

Luísa Amorim, 43 anos

Casada com Francisco Teixeira Rêgo, Luísa desde sempre adotou os vinhos como a sua paixão. É licenciada em marketing. Com duas filhas, assegura a gestão da Quinta Nova, no Pinhão, que além da produção dos vinhos, tem uma unidade hoteleira. É também administradora não executiva na Corticeira Amorim, fazendo a ponte com a descendência do tio António. Recentemente, avançou com a comercialização da marca de vestuário de luxo para criança, a Andorine.