Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Estes são os maiores devedores da Caixa

Economia

Nove empréstimos da Caixa totalizam €2,3 mil milhões, dos quais €912 milhões já estão registados como imparidades, ou seja, em incumprimento. Os dados constam numa auditoria divulgada pelo Correio da Manhã

Empréstimo/Imparidade
Valores em milhões de euros

Artlant
476,4/214,4
Um projeto do grupo catalão La Seda que entrou em falência em 2013 e que produzia embalagens plásticas. A CGD tem 15% desta unidade fabril

Grupo Efacec
303,2/15,2
Esta empresa portuguesa debatia-se com graves problemas financeiros. Foi comprada recentemente pela empresária angolana Isabel dos Santos

Vale do Lobo
282,9/136,1
A Caixa é financiadora e acionista deste projeto imobiliário que está a ser investigado no âmbito do inquérito judicial a José Sócrates. Armado Vara era administrador da CGD na altura

Auto-Estradas Douro Litoral
271,3/181,4
A Caixa é um dos maiores acionistas desta concessionária cujas receitas estão muito abaixo do que era previsto no caderno de encargos

Grupo Espírito Santo
237,1/79
A Herdade da Comporta é um dos ativos que poderá compensar parte dos elevados empréstimos que a CGD fez ao grupo Espírito Santo. Mas não chega

Grupo Lena
225/76,7
O setor da construção foi dos que mais sofreu com a recessão. A empresa de Leiria, envolvida na Operação Marquês, viu-se obrigada a renegociar as dívidas

Grupo António Mosquito
178/49,2
O empresário angolano endividou-se para comprar a Soares da Costa ao grupo de Manuel Fino e herdou parte do passivo que a construtora tinha junto da CGD

Reyal Urbis
166,6/133,3
A CGD era um dos principais financiadores desta imobiliária espanhola, que se encontra em processo de falência. A Reyal é o maior devedor do fisco em Espanha

Finpro SCR
123,9/24,8
É a empresa de Manuel Fino, antigo dono da Soares da Costa. No ano passado fez um acordo de reestruturação da dívida

SAIBA MAIS SOBRE A CAIXA GERAL DE DEPÓSITOS NA VISÃO DESTA SEMANA, QUINTA-FEIRA NAS BANCAS

DISPONÍVEL TAMBÉM: