Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

FOTOS: Imagens do encerramento dos Jogos Olímpicos

Desporto

  • 333

Um gigantesco e icónico concerto de música britânica, a que não faltaram os principais nomes dos últimos 50 anos, fechou domingo à noite os Jogos Olímpicos Londres2012, e abriu a caminho para o Rio de Janeiro2016. VEJA AS FOTOS

Maratona em Seuk, Coreia do Sul
1 / 31

Maratona em Seuk, Coreia do Sul

Desfile em Banguecoque, Tailândia
2 / 31

Desfile em Banguecoque, Tailândia

Cambodja em protesto por melhores salários
3 / 31

Cambodja em protesto por melhores salários

Milhares nas ruas em Kuala Lumpur, Malásia,
4 / 31

Milhares nas ruas em Kuala Lumpur, Malásia,

Tunísia
5 / 31

Tunísia

Dia de trabalho em Jammu, Índia
6 / 31

Dia de trabalho em Jammu, Índia

Tunísia
7 / 31

Tunísia

Taipei, Taiwan
8 / 31

Taipei, Taiwan

Jacarta, Indonésia
9 / 31

Jacarta, Indonésia

Amritsar, Índia
10 / 31

Amritsar, Índia

Tunísia
11 / 31

Tunísia

Sri Lanka
12 / 31

Sri Lanka

Paquistão
13 / 31

Paquistão

O tear não pára, na Síria
14 / 31

O tear não pára, na Síria

Rússia
15 / 31

Rússia

Trabalhadores saltam o posto de controlo da Cisjordânia, entre Belém e Jerusalém
16 / 31

Trabalhadores saltam o posto de controlo da Cisjordânia, entre Belém e Jerusalém

Tunísia
17 / 31

Tunísia

Tunísia
18 / 31

Tunísia

Tunísia
19 / 31

Tunísia

Tunísia
20 / 31

Tunísia

Tunísia
21 / 31

Tunísia

Tunísia
22 / 31

Tunísia

Tunísia
23 / 31

Tunísia

Tunísia
24 / 31

Tunísia

Tunísia
25 / 31

Tunísia

Tunísia
26 / 31

Tunísia

Tunísia
27 / 31

Tunísia

Tunísia
28 / 31

Tunísia

Tunísia
29 / 31

Tunísia

Tunísia
30 / 31

Tunísia

Tunísia
31 / 31

Tunísia

Estava anunciada "Uma sinfonia de música britânica", mas não seria possível homenagear a música sem homenagear o Reino Unido na sua essência, na sua "Rush hour": Union Jack iluminada no chão, notícias que não são notícias e sim excertos da literatura inglesa impressos em papel de jornal, um Big Ben e um London Eye improvisado, e entra a música, suporte de uma encenação de uma viagem ao longo de um dia na vida de Londres, desde a hora de ponta até ao pôr-do-sol.

Winston Churchill cita William Shakespeare para, na ausência da rainha Isabel II, se anunciar o "God Save the Queen", cantado a plenos pulmões pelas 80.000 pessoas que lotaram o Estádio Olímpico e que viram "Madness" darem uma "Street Party" no meio das improvisadas e fictícias ruas londrinas, com "beefeaters" a estenderem a passadeira aos Pet Shop Boys, numa alusão às celebrações do jubileu.