Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Woody Allen acusado de abusar de filha adotiva de Mia Farrow

Cultura

  • 333

O nome do realizador que Paulo Portas e António Costa querem ver a filmar Lisboa volta a estar envolto em polémica. Além da nova acusação, a ex-mulher, Mia Farrow, admite que o filho que era de Woddy pode, afinal, ser de... Sinatra

A última edição da revista norte-americana Vanity Fair deve estar a ser um pesadelo para Woody Allen, o carismático realizador que Paulo Portas e António Costa querem ver a realizar um filme sobre Lisboa.

De apenas uma penada, Woddy Allen é acusado de ter abusado de outra filha adotiva da ex-mulher, Mia Farrow - com a primeira, Soon-Yi, Woody acabaria mesmo por casar - e ficou a saber que pode não ser o pai verdadeiro do seu filho Ronan. Vamos por partes.

Abusos 

A Vanity Fair mostra depoimentos de Mia Farrow e da sua filha adotiva Dylan que apontam para um suposto abuso sexual cometido por Woody Allen.

De acordo com a atriz e com a própria Dylan, o realizador - que atualmente é casado com Soon-Yi, também filha adotiva da Mia - abusou da menina quando ela tinha apenas sete anos.

De acordo com a reportagem, Woody teria aproveitado momentos a sós com Dylan para tocar nas suas partes íntimas com a promessa de a chamar para um filme seu. A menina começou a apresentar problemas sempre que via o realizador, queixando-se do estômago e dores de cabeça, que passavam assim que Woody ia embora.

A Vanity Fair publica mesmo uma entrevista com Dylan, que falou sobre o assunto. "Eu sentia-me desconfortável, achava que era uma criança má, porque não queria fazer o que uma pessoa mais velha pedia. Esatava-me a passar. Tinha apenas sete anos...", disse.

"Tenho pavor da imagem dele. Nunca fui chamada para testemunhar. Se eu pudesse falar com a Dylan de sete anos de idade, diria para ela ser corajosa e testemunhar", continuou ela, que mudou seu nome para Eliza e atualmente se apresenta como Malone Farrow.

Filho de Sinatra?

Na mesma edição da Vanity Fair, a atriz Mia Farrow admitiu em entrevista que Frank Sinatra poderá ser o pai do seu filho Ronan, e não o seu ex-marido Woody Allen.

Na entrevista, publicada quarta-feira, Mia Farrow descreveu Sinatra como o grande amor da sua vida e quando questionada de este poderia ser o pai do seu filho, disse apenas: "Talvez".

Mia Farrow disse também que ela e Sinatra, que estiveram casados dois anos até 1968, nunca se separaram efetivamente, alimentando ainda mais a dúvida sobre a paternidade de Ronan até porque este tem olhos azuis parecidos com o ator.

Depois Mia Farrow esteve casada com Woody Allen, até 1992 quando descobriu que o realizador tinha um relacionamento com a filha adoptiva dos dois, Soon-Yi.

Já Ronan quis distanciar-se dos comentários da mãe e escreveu na sua conta do Twitter que todos eram "possivelmente" filhos de Sinatra.

Frank Sinatra morreu em 1998