Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Desapareceu "voz" que está associada a Cabo Verde

Cultura

  • 333

O presidente cabo-verdiano afirmou que a morte de Bana representa o "desaparecimento de um nome e de uma voz associada a Cabo Verde"

O presidente cabo-verdiano afirmou hoje que a morte de Bana, falecido sexta-feira em Lisboa, 81 anos, representa o "desaparecimento de um nome e de uma voz associada a Cabo Verde".

"O país acordou com a notícia do desaparecimento físico de Bana. Sabíamos que o estado de saúde dele já estava debilitado há já algum tempo, mas a notícia da morte causa sempre choque, consternação e dor", disse Jorge Carlos Fonseca, ao comentar perante os jornalistas o falecimento do 'Rei da Morna'.

"Essa tristeza é ainda maior porque se trata da morte de uma personalidade como Bana, que é um nome e sobretudo uma voz que estão associados a Cabo Verde. Quando pensamos no que é nosso, pensamos no Bana, a 'voz' de Cabo Verde, o 'Rei da Morna'", sublinhou o chefe de Estado cabo-verdiano.