Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Morreu o vocalista dos The Prodigy

Cultura

Sergei Fadeichev/ Getty Images

Keith Flint morreu esta segunda-feira, aos 49 anos. O cantor foi encontrado morto na sua casa, em Essex

As autoridades foram chamadas pouco depois das 8h00 desta segunda-feira e encontraram o vocalista da banda britânica já sem vida

Segundo o porta-voz da polícia de Essex, a morte de Keith Flint não está a ser tratada como suspeita.

Keith Flint era uma das vozes dos The Prodigy, a par de Maxim, e rosto principal do trio que se completava com Liam Howlett, adquirindo uma maior dimensão e protagonismo aquando do lançamento do disco "The Fat of the Land", do qual foi extraído o 'single' "Firestarter", cujo vídeo o tinha como figura central.

A banda, que passou por Portugal várias vezes, a última das quais no ano passado no cartaz do North Music Festival, no Porto, estava neste momento a promover o disco "No Tourists", lançado em novembro, tendo agendada uma digressão pelos Estados Unidos em maio, para além de múltiplas participações em festivais de verão também já marcadas.

Criados em 1990 no Essex por Howlett, os Prodigy tornaram-se um fenómeno global com o lançamento do terceiro disco, "The Fat of the Land", em 1997, que vendeu mais de dez milhões de cópias em todo o mundo, causando impacto com temas como "Smack My Bitch Up" ou "Breathe".