Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Na estrada com os Linda Martini

Em dia de tempestade, a VISÃO acompanhou os Linda Martini até Loulé onde esgotaram o Cine-Teatro local. Uma banda de "pessoas banais" - palavras da baixista Cláudia Guerreiro - que pratica um rock explosivo VEJA O VÍDEO

André Moreira

André Moreira

Jornalista Multimédia

O quinto álbum dos Linda Martini parece pensado para ser transportado para os palcos. Foi o que a banda lisboeta de André Henriques, Cláudia Guerreiro,Hélio Morais e Pedrro Geraldes fez numa minidigressão que percorreu o país de norte a sul. A VISÃO acompanhou a reta final, rumo a Loulé, na sexta-feira, 9 (seguir-se-ia, no dia seguinte, Castro Verde).

Tudo começa, manhã cedo, com o material a ser carregado na carrinha alugada (uma espécie de Tetris, sempre diferente, diz o roadie Congas). Depois... Uma boa parte do quotidiano de uma banda, no momento em que anda na estrada, faz-se de esperas, de pequenos nadas, de modorra.

“Todo este tempo de seca pode não apetecer, claro: desmontar e montar o material, ensaio de som, tempos mortos...", diz o guitarrista Pedro Geraldes, "mas quando subimos para cima do palco acaba por haver uma transformação que justifica tudo.”

“É uma recompensa emocional tão grande, tão gigante, que compensa isso tudo", acrescenta o vocalista e também guitarrista André Henriques. Um ritual rock que - sempre diferente, sempre igual - mais uma vez, se cumpriu.

LEIA A REPORTAGEM COMPLETA NA VISÃO DESTA SEMANA, QUINTA FEIRA NAS BANCAS