Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

U2, em nome da experiência

Cultura

Canções com dedicatória - à mulher, aos filhos, aos fãs, a si próprio... - fazem de Songs of Experience, o novo disco dos U2,um álbum com sabor a despedida... LEIA MAIS NA VISÃO DESTA SEMANA

Este é um disco adiado. Pensado, e anunciado, como uma espécie de continuação e complemento de Songs of Innocence (lançado em setembro de 2014) demorou a encontrar o seu caminho.

Não foi só o desvario do mundo nestes últimos tempos (refrendo do Brexit, vitória de Trump...) a provocar uma viragem neste disco que queria valorizar a força da experiência. Bono ainda não quis alongar-se muito sobre o assunto mas teve, recentemente um susto suficientemente grave e sério para o fazer encarar a sua mortalidade olhos nos olhos − “Não quero entrar em demasiados detalhes, por medo da agitação melodramática das reality TV”. Resultado? Uma série de canções com dedicatória. Sentidas.
A capa do novo álbum ajuda a fazer uma leitura emocional destas Songs of Experience. Aponta para o futuro, sim, a partir do ponto de vista mais pessoal e íntimo. Numa fotografia tirada pelo velho cúmplice da banda Anton Corbijn vemos, de mãos dadas, Eli e Sian − ou seja: o filho de Bono e a filha do guitarrista The Edge.


Veja aqui o vídeo da nova canção You're the Best Thing About Me.