Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

World Press Photo 2017 chega a Lisboa

Cultura

  • 333

A Exposição WORLD PRESS PHOTO 2017 vai estar patente ao público no Museu Nacional de Etnologia entre os dias 28 de abril e 21 de maio de 2017

Foto do ano para a World Press Photo, da autoria de Burhan Ozbilici, fotógrafo turco da Associated Press. Mostra o polícia Mevlut Mert Altintas, armado, gritando e esbracejando, instantes depois de ter assassinado a tiro o embaixador russo na Turquia.

Foto do ano para a World Press Photo, da autoria de Burhan Ozbilici, fotógrafo turco da Associated Press. Mostra o polícia Mevlut Mert Altintas, armado, gritando e esbracejando, instantes depois de ter assassinado a tiro o embaixador russo na Turquia.

© Handout . / Reuters

Burhan Ozbilici, fotógrafo da Associated Press, passou por uma exposição em Ancara ao final da tarde. Não podia imaginar que seria uma testemunha do assassinato do embaixador russo na Turquia, nem que os tiros disparados pelo polícia Mevlut Mert Altintas – e captados pela sua câmara – lhe dariam o primeiro prémio do World Press Photo 2017.

A imagem foi a vencedora, mas continua a ser controversa. “É a imagem de um assassinato, com o assassino e o morto, ambos na mesma fotografia. Moralmente é tão problemático como publicar um terrorista a decapitar a vítima”, comentou Stuart Franklin, presidente do júri do concurso que admitiu, depois, ter votado contra a foto de Ozbilici.

A partir de 27 de abril, no Museu Nacional de Etnologia, em Lisboa, pode ver por si mesmo esta e outras imagens do ano (veja video com a curadora e fotos da inauguração). Durante a mais importante exposição de fotojornalismo do mundo, a VISÃO vai publicar, com a revista em banca, vouchers exclusivos de oferta de bilhetes para os seus leitores.

Foto de Francis Pérez, Espanha, venceu o primeiro prémio da categoria Natureza. Mostra uma tartaruga envolvida por restos de redes ao largo da costa de Tenerife

Foto de Francis Pérez, Espanha, venceu o primeiro prémio da categoria Natureza. Mostra uma tartaruga envolvida por restos de redes ao largo da costa de Tenerife

© Handout . / Reuters

A Exposição WORLD PRESS PHOTO 2017 vai estar patente ao público até dia 21 de maio de 2017. A edição de 2017 da Exposição apresenta ao público as imagens vencedoras do 60.º concurso anual da World Press Photo, selecionadas a partir de um total de 80.408 imagens produzidas por 5.034 fotógrafos de 126 países.

Terceiro lugar na categoria de Desporto, pela lente do alemão Kai Oliver Pfaffenbach. Quem não se lembra do sorriso de Usain Bolt, instantes antes de cortar, isolado, a meta na semifinal dos 100 metros, durante os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro?

Terceiro lugar na categoria de Desporto, pela lente do alemão Kai Oliver Pfaffenbach. Quem não se lembra do sorriso de Usain Bolt, instantes antes de cortar, isolado, a meta na semifinal dos 100 metros, durante os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro?

© Kai Pfaffenbach / Reuters

Referência mundial do fotojornalismo, a Exposição dá a conhecer ao público, através das imagens premiadas pela World Press Photo, algumas das questões cruciais com as quais povos e sociedades de todo o mundo se defrontam na atualidade e que, em muitos casos, se repercutem além das suas fronteiras e mesmo à escala global.

A Exposição é organizada pela World Press Photo Foundation, uma organização sem fins lucrativos fundada em 1955, e, à semelhança das edições anteriores, a sua realização é assegurada pela Revista Visão e pela SIC Notícias.

Primeiro na Categoria Temas Contemporâneo, da autoria do americano Jonathan Bachman. A ativista Leshia Evans enfrenta sozinha e sem resistência a polícia durante os protestos contra a brutalidade policial em Baton Rouge, no Louisiana, em julho de 2016.

Primeiro na Categoria Temas Contemporâneo, da autoria do americano Jonathan Bachman. A ativista Leshia Evans enfrenta sozinha e sem resistência a polícia durante os protestos contra a brutalidade policial em Baton Rouge, no Louisiana, em julho de 2016.

© Jonathan Bachman / Reuters

Local: Museu Nacional de Etnologia, Avenida Ilha da Madeira, Lisboa

Horário: Terça-feira das 14h às 18h, Quarta-feira a domingo das 10h às 18h. Encerrado à segunda-feira e dia 1 de maio

Bilheteira: Geral € 3,00; Estudantes* € 1,50; Cartão jovem (15-25 anos)* € 1,50; Sénior (> 64 anos)* € 1,50; Portadores de deficiência € 1,50

Entradas Gratuitas: Grupos escolares | Professores e auxiliares educativos que acompanhem grupos escolares | Crianças até aos 12 anos | Jornalistas | Desempregados*

*com comprovativo válido