Praia da Vitória, 11 ago (Lusa) - Tony Rodrigues, natural da ilha Terceira, nos Açores, queria abandonar os estudos no 9.º ano, mas o pai levou-o para os EUA e hoje é professor de português e empresário de restauração.

Aos 44 anos, Tony é chefe do departamento de línguas do liceu onde estudou, em Fall River, dando aulas de português, mas quando ainda era adolescente pensava em seguir outra profissão.

"Cheguei ao 9.º ano e disse ao meu pai que não queria estudar mais, queria trabalhar com ele, que tinha um negócio de distribuição de pão, mas ele disse-me que, se eu não queria estudar, ia trabalhar com o meu tio como pedreiro, pelo que continuei na escola", recordou o emigrante açoriano em declarações à Lusa na Praia da Vitória, onde passa férias com frequência.