Ponta Delgada, 06 dez (Lusa) -- O Governo dos Açores vai apresentar no parlamento regional durante o primeiro trimestre de 2012 uma proposta legislativa para proibir o cultivo de organismos geneticamente modificados (OGM) no arquipélago, anunciou hoje Noé Rodrigues, secretário regional da Agricultura.

Noé Rodrigues, que falava aos jornalistas depois de uma audição sobre esta matéria na Comissão de Economia da Assembleia Legislativa dos Açores, afirmou que a iniciativa assume uma caráter "cautelar", garantindo que o executivo não tem uma perspetiva "dogmática" sobre esta questão.

"Neste momento, por razões de cautela, achamos que devemos introduzir o princípio do não cultivo de OGM na região", frisou o secretário regional, salientando ainda a falta de certezas da comunidade científica sobre esta matéria.