Viseu, 06 dez (Lusa) -- O antigo líder do PSD Marques Mendes considerou hoje que o presidente do Governo Regional dos Açores, Carlos César (PS), revelou "completa falta de senso" ao acusar Cavaco Silva de "dividir os portugueses".

"Quando o presidente do Governo Regional dos Açores vem criticar o professor Cavaco Silva, a dizer que ele está, com a sua posição, a dividir, eu julgo que isso é uma completa falta de senso", afirmou Marques Mendes aos jornalistas, em Viseu, no final da inauguração da sede distrital da candidatura de Cavaco Silva.

No domingo, Carlos César acusou Cavaco Silva de "dividir os portugueses", lançando os do continente contra os do arquipélago, na sequência dos comentários que fez à remuneração compensatória para os funcionários públicos.