O especialista comentava à agência Lusa um estudo dinamarquês divulgado hoje pelo Público, publicado na revista Journal of the American College of Cardiology, que envolveu 73 mil participantes e visou avaliar a responsabilidade de um terceiro tipo de colesterol, denominado "feio" ou "remanescente", nas doenças cardiovasculares causadas pela obstrução das artérias.

Além dos chamados "bom" e "mau" colesteróis, respetivamente o HDL e o LDL, existe um terceiro tipo, que quase ninguém conhece, mas é o que faz mais aumentar o risco de bloqueio das artérias, a aterosclerose, principal causa do enfarte cardíaco.