Os habitantes de Melbourne, Austrália são os que dormem mais: 6 horas e 58 minutos, em média, por noite; Os de Tóquio, Japão os que dormem menos: 5 horas e 44. Já os novaiorquinos dormem uma média de 6 horas e 47 minutos por noite.

Para a Austrália, mas desta feita para Brisbane, vão outros dois "galardões": a cidade que se deita mais cedo - 22h57 - e a que se levanta mais cedo também . 6h29. Os residentes em Moscovo, Rússia, acordam mais tarde: 8h08.

Estes são, pelo menos, os resultados de uma análise publicada pelo The Wall Street Journal com base em dados recolhidos pela Jawbone, a empresa que criou uma pulseira digital, a popular UP, que rastreia como os utilizadores se movem e dormem.

Os dados foram recolhidos a partir de centenas de milhares de utilizadores dessas pulseiras, em várias cidades do mundo, e permitem uma perspetiva global dos padrões de sono... pelo menos dos que podem gastar cerca de 100 euros no dispositivo.